​​​​
 

LiveCloud ajuda empresa Cegos a avançar em projetos de inovação
Cases

A conta é bastante simples. A Cegos, multinacional de origem francesa especializada em serviços na área educacional corporativa, direciona o tempo e a energia dos seus profissionais da América Latina para oferecer os melhores serviços no avanço dos seus projetos de inovação nos clientes, enquanto a Processor cuida de toda retaguarda tecnológica para que isso possa acontecer com agilidade e precisão.

Esse é o modelo de parcerias que a empresa, que fatura 200 milhões de euros, adota no mundo todo. E que tem replicado no Chile com muito sucesso. “A Processor é a empresa que está ajudando a habilitar e viabilizar os nossos negócios na América Latina”, afirma o CIO da Cegos Latam, Javier Hermosilla.

No momento em que um novo cliente entra para a base da Cegos, a Processor já passa a disponibilizar, no modelo de entrega de tecnologia como serviço, todo suporte em hardware, software e outras aplicações. “Não precisamos nos preocupar mais com tecnologia para fazer negócios. As soluções da Processor significam um avanço gigante, pois assim que fechamos um projeto, ele logo é implantado e já podemos partir para outros desafios, o que impacta positivamente as nossas metas de negócios e a inovação que conseguimos entregar ao mercado”, comenta Hermosilla.

O diretor relata que escritórios da empresa estão espalhados no mundo todo, e a estratégia de inovação e transformação pela qual a operação está passando não pode prescindir da parceira com players estratégicos.

O gerente comercial da Processor Chile, Guillermo Rico, comenta que a estratégia da Cegos de não investir em infraestrutura de tecnologia própria para começar a operar no mercado Latam está acelerando essa expansão. “Ter uma operação internacional, com pessoas colaborando em diversos países, sem a carga administrativa de TI tem sido um grande diferencial para o nosso cliente, pois permite que ele se dedique 100% ao seu negócio”, explica.

Na prática, isso já se reflete em uma diminuição de fornecedores de TI, na possibilidade de prover plataforma de produtividade em diversos mercados sem realizar processos de compras individuais e sem necessidade de contratar qualquer tipo de infraestrutura de TI adicional.

“O cliente não precisa comprar hardware ou software. Ele utiliza soluções SaaS de LiveCloud, sem se preocupar com a parte de TI”, relata o gerente comercial da Processor Chile, Guillermo Rico.

SOLUÇÕES AUMENTAM A COLABORAÇÃO DAS EQUIPES

Com mais de 250 mil pessoas formadas a cada ano, a Cegos tem como estratégia de expansão global o Cegos Digital, que prevê a inserção de novas tecnologias e convergência digital ao tradicional formato de treinamento presencial.

“Queremos estimular a formação digital dos nossos clientes oferecendo uma plataforma que permita a incorporação de componentes que facilitem o olho no olho e a troca de conteúdos que contribuam para o aprendizado”, relata o gerente de Projetos e Operações Cegos Latam, Sebastian Teply.

O projeto se baseia na premissa de ganhos em escalabilidade, onde cada unidade não precisa investir em grandes infraestruturas de tecnologia para começar a operar. Por isso, para viabilizar a sua operação em novos territórios, o ponto chave é a contratação de serviços de Tecnologia da Informação (TI) sob demanda. Isso significa a entrega imediata de tecnologia, de forma escalável - de acordo com a demanda do negócio - e com um custo diretamente ligado ao consumo.

A meta em 2017 é alcançar até três mil pessoas formadas na América Latina. “A demanda está aquecida. Os nossos clientes querem usar a tecnologia para reduzir os custos com as aulas, o que costuma incluir gastos com viagens e alimentação”, acrescenta Teply.

Acelerar processos, encurtar distâncias e, dessa forma, aumentar o potencial de colaboração de suas equipes já são resultados sentidos diretamente no dia-a-dia da operação, após a implantação das soluções de SaaS pela Processor através da plataforma de LiveCloud. Isso possibilitou uma experiência mais acessível e rica em recursos, como a transferência de conteúdos em tempo real e de qualquer lugar do mundo. E tudo isso com um cuidado apurado com a segurança e confidencialidade das informações.

“A adoção dessas soluções nos abriu um mundo novo e muito rico para a colaboração dos nossos equipes na América Latina”, afirma o gerente de Projetos e Operações Cegos Latam, Sebastian Teply.

Ele destaca que o custo com a nuvem é muito mais acessível e afirma que o impacto de ganho de agilidade é considerável. “Agora temos a nossa informação toda integrada, o que nos permite acelerar a colaboração para o desenvolvimento dos projetos”, admite. Ele elogia o tempo de resposta da Processor às demandas. “As reações são imediatas a qualquer problema que surja”, conta.


Conheça as soluções de LiveCloud que Processor oferece!